Estado

Política

Embaixador da Bélgica é recebido pelo governador Eduardo Leite no Piratini

Por Assessoria , 09/10/2019, 17h36

Pela primeira vez no Rio Grande do Sul, o embaixador da Bélgica no Brasil, Patrick Herman, foi recebido no Palácio Piratini na manhã desta quarta-feira (9) pelo governador Eduardo Leite. O diplomata está no Estado para participar da Semana Internacional da Bélgica, que ocorre na capital até quinta-feira (10), e aproveitou a ocasião para discutir possíveis parcerias.

A Bélgica está entre os maiores parceiros comerciais do RS. Em 2018, ficou na oitava posição, com exportações de US$ 472 milhões. No entanto, esse valor representa apenas 2,2% das exportações totais do Estado no ano passado (US$ 21,014 bilhões).

“Estou encantado com esse lugar e acredito que temos grandes possibilidades de ampliar os negócios”, afirmou Herman, destacando entre as áreas de interesse transportes, logística, portos, ciência, tecnologia e inovação.

O governador disse que o RS tem todo o interesse em fechar parcerias com a Bélgica. “Queremos ser um Estado pró-business, atrativo e amigável aos investidores. Por isso, estamos promovendo reformas estruturantes”, ressaltou Leite.

Semana Internacional da Bélgica em Porto Alegre

A cultura belga e as oportunidades de negócios para empresas do Rio Grande do Sul no país europeu são destaque na Semana Internacional da Bélgica em Porto Alegre. Uma série de eventos, desde terça (7) até quinta-feira (10), busca estreitar as relações comerciais e culturais entre gaúchos e belgas.

Parte da programação, nesta quinta-feira (9) será realizada na sede da Fecomércio-RS, das 9h às 12h, uma mesa-redonda sobre negócios entre Bélgica e RS, com a participação do embaixador Herman. O evento deverá destacar as vantagens logísticas belgas para as empresas que exportam para a Europa, as oportunidades fiscais para a instalação de empreendimentos no país e o acordo de livre comércio entre União Europeia e Mercosul.

Ainda na quinta, o auditório do Centro Cultural da Ufrgs, no Campus Central, sediará uma mesa-redonda sobre prioridades de inovação e pesquisa na região da Valônia e no Rio Grande do Sul e perspectivas de parcerias entre a academia e a indústria.

Finalmente, a programação será encerrada no dia 10, com a exibição especial do filme Tango libre, de Frédéric Fonteyne, às 19h, na Sala Redenção. O evento é aberto ao público e tem entrada franca.

Foto: Itamar Aguiar/Palácio Piratini

Voltar Topo