Rio Grande

Luta

Prefeito propõe união de esforços em defesa da Usina Termelétrica

Por Redação , 11/01/2018, 10h00

Na tarde de quarta-feira, 10, durante a agenda realiza em Porto Alegre  o prefeito do Rio Grande, Alexandre Lindenmeyer, formalizou o convite ao governador do estado, José Ivo Sartori, para reunião em Brasília no próximo dia 25.

A pauta propõe a soma de esforços dos executivos municipal e estadual,  bem como de outras lideranças da região e do estado, para defesa da Usina Termelétrica Rio Grande  (UTE Rio Grande) junto à Agência Nacional de Energia Elétrica  (ANEEL). Participaram do encontro na Casa Civil o secretário Fábio Branco, o Presidente da Câmara Municipal do Rio Grande, Flávio Maciel e o secretário de Município de Controle e Serviços Urbanos, Dirceu Lopes que é envolvido na pauta desde a gestão do então governador Tarso Genro, onde as discussões para a implementação da UTE tiveram início.  

"Juntos, faremos não apenas a defesa da cidade do Rio Grande, mas de todo o Rio Grande do Sul", avaliou Lindenmeyer, que também formalizará convite para todos os membros da Comissão Especial em defesa da Termelétrica  da Câmara Municipal do Rio Grande e demais segmentos envolvidos na defesa da Usina se somem à pauta de Brasília.

Orçada em aproximadamente R$ 3.3 bilhões, a usina de gás natural representa a geração de cerca de 4 mil empregos diretos para o município do Rio Grande, logo no início das obras. A implantação da UTE possibilita,  ainda, o aumento da arrecadação do município e do estado, bem como o desenvolvimento de novas cadeias produtivas.

Foto: Divulgação/PMRG

Voltar Topo