Polícia

Agrotóxicos

Patram flagra crime ambiental em Rio Grande

Por Redação , 14/02/2018, 09h15

A Patrulha Ambiental (PATRAM) flagrou, na semana passada, uma empresa que realizava controle de pragas urbanas e desinfestações, armazenando e manuseando produtos perigosos de forma inadequada e com riscos de contaminação. O local não possui licença ambiental, não atendia as especificações da legislação, pois utilizava uma pia para lavagem das embalagens, lançando o produto tóxico direto  na rede pública sem nenhum tratamento.

O agrotóxico foi apreendido e o empresário  foi notificado a tomar as providências para a destinação adequada desses produtos. Ele responderá pelo crime ambiental de produção, processamento e importação de produto ou substância tóxica, perigosa ou nociva à saúde humana ou ao meio ambiente, em desacordo com as exigências estabelecidas em leis ou nos seus regulamentos.

Em caso de condenação, a pena é de um a quatro anos de reclusão.

 Fotos: PATRAM / Divulgação

Editado por Rodrigo de Aguiar

Voltar Topo