Porto do Rio Grande

Produção

Qualidade da soja gaúcha é fator determinante para o sucesso das exportações

Por Rodrigo de Aguiar , 22/04/2018, 17h03

Mais de 16 milhões de toneladas: esses são os números da soja no Porto de Rio Grande no ano passado. Para se ter uma ideia, o valor corresponde a 40% de todas as movimentações realizadas pelo complexo em 2017. Apesar de ser conhecida pela grande maioria da população no formato de grão, atualmente ela pode ser encontrada no chocolate, no leite e até mesmo como carne.

A safra da soja é compreendida entre os meses de fevereiro e maio e boa parte da produção gaúcha chega aos terminais portuários de Rio Grande pela via rodoviária, período em que chegam a ser descarregados cerca de dois mil caminhões por dia. A exportação é um dos principais destinos do grão e a China responde pela liderança entre os países que recebem em seu território a soja brasileira.

Diante de números satisfatórios contabilizados no ano passado, a Superintendência do Porto projeta que em 2018 os dados sejam ainda mais positivos muito por conta da qualidade do produto que é ofertado para o mundo. Os investimentos em tecnologia e pesquisa são fatores determinantes para o sucesso da produção e o retorno positivo do mercado externo.

Foto: Divulgação

Voltar Topo